• Tesla Model 3 já aí está e promete mudar o ‘jogo’
  • Tesla Model 3 já aí está e promete mudar o ‘jogo’

Tesla Model 3 já aí está e promete mudar o ‘jogo’

A Tesla revelou os principais detalhes do seu novo Model 3, modelo que se apresenta como um dos mais importantes para a marca de Elon Musk e que é considerado por este como um dos maiores passos em frente no que à mobilidade elétrica diz respeito. Pensado para ser um elétrico acessível repleto de novas tecnologias, o novo Model 3 já teve as suas primeiras 30 unidades entregues a elementos da fábrica de Freemont.

Na prática, o Model 3 terá duas variantes distintas, uma base com um preço de 35 mil dólares e 354 quilómetros de autonomia e uma aceleração dos 0 aos 96 km/h em 5,6 segundos, e, outra, denominada de Longo Alcance com uma autonomia de 500 quilómetros e aceleração dos 0 aos 96 km/h em 5,1 segundos (custo a partir de 45 mil dólares). O primeiro modelo pode ganhar até 210 quilómetros com 30 minutos de carregamento a partir dos Supercarregadores da Tesla, enquanto o modelo de Longo Alcance ganha cerca de 270 quilómetros a partir do mesmo método.

Tecnologicamente, cada carro vem equipado com os sistemas necessários para a condução autónoma, como oito câmaras de vídeo, radar dianteiro e uma dúzia de radares de ultra-sons que permitem, por exemplo, ativar a travagem de emergência. Contudo, para se ter acesso ao ‘pacote’ completo de funcionalidades de segurança, o cliente terá de pagar 5.000 euros pelo Autopilot, que permite cruise control adaptativo e assistente de manutenção na faixa de rodagem. Mas há mais: por 3.000 euros, o cliente terá direito a mais funcionalidades de tecnologia autónoma, o que perfaz um total de 8.000 euros em extras de segurança.

Com 4,69 m de comprimento, 1,85 m de largura e 1,44 m de altura, o novo Model 3 não difere em muito do concept apresentado no ano passado, o qual contou, desde logo, com uma elevada taxa de reservas para este novo elétrico. Já a distância entre eixos tem um valor de 2,87 m de comprimento, permitindo, de acordo com a marca californiana, bons níveis de habitabilidade.

Acerca do interior, a Tesla prometeu um ambiente futurista e as primeiras imagens revelam isso mesmo, com destaque para o ecrã de 15 polegadas montado em posição central, que faz ‘as vezes’ do painel de instrumentação convencional.

Nota para a possibilidade de contar com jantes de 19 polegadas como opção, por custo em redor dos 1.500 dólares. Com uma lista de encomendas que já vai acima das 500 mil, a Tesla tem ainda um longo caminho para ir ao encontro da procura, estando o início das entregas internacionais (de modelos com volante ao lado esquerdo) apenas na segunda metade de 2018, o mesmo ano em que se começarão a produzir as versões de tração traseira.

Anterior Honda e Toro Rosso podem vir a unir esforços
Próximo SEAT já tem nove nomes pré-definidos para o seu novo SUV

Artigos relacionados

Novo sistema Peugeot i-Cockpit: foco na tecnologia e na conectividade

A Peugeot revelou hoje as primeiras imagens daquele que será a nova evolução da configuração interior i-Cockpit, colocando ênfase no leque de novas tecnologias e melhoria das vertentes do conforto

Mercado automóvel cresce 10,5% em julho

Em julho de 2018 foram matriculados em Portugal 23.300 veículos automóveis, ou seja, mais 10,5 por cento do que em igual mês do ano anterior.

Volvo XC40 poderá surgir em Xangai

O esforço de renovação da gama SUV da Volvo deverá completar-se dentro em breve, com dois lançamentos importantes a aproximarem-se a passos largos.