Novo Volkswagen T-Roc R já está à venda em Portugal

A letra “R” é sinónimo dos modelos com características desportivas da Volkswagen. O T-Roc R, produzido na Volkswagen Autoeuropa, inicia agora a sua comercialização em Portugal, a partir de 50.858 euros.

Graças ao motor 2.0 TSI de quatro cilindros, o novo SUV compacto debita uma potência de 300 cv e um binário máximo de 400 Nm entre as 2.000 e as 5.200 rpm. O motor 2.0 TSI está associado ao sistema de tração integral 4MOTION e à transmissão automática de dupla embraiagem DSG de sete velocidades.

Soluções que permitem ao T-Roc R cumprir a aceleração de 0 a 100 km/h em apenas 4,8 segundos e alcançar os 250 km/h de velocidade máxima (limitada eletronicamente).

As características desportivas do T-Roc R são evidenciadas pelo seu design inconfundível no exterior e no interior. O para choques específico “R” é pintado da mesma cor da carroçaria, a grelha do radiador possui uma faixa prateada de alumínio com acabamento anodizado na parte inferior que percorre toda a largura do veículo, enquanto nas proeminentes cavas das rodas são montadas as jantes de liga leve Spielberg de 18 polegadas com pneus 215/50 R18, de série.

No novo para choques traseiro está acomodado o sistema de escape com saída dupla, à esquerda e à direita, específico para o modelo “R”, assim como o difusor.

Como opção, está disponível um sistema de escape R “Performance”, no qual os silenciadores traseiros são fabricados em titânio. As capas dos espelhos retrovisores exteriores em preto mate, diversos logótipos “R” e um novo spoiler no prolongamento do tejadilho também ajudam a identificar esta versão mais desportiva.

Dentro do habitáculo o tratamento desportivo mantém-se, ganhando vários detalhes com a assinatura “R”: volante desportivo multifunções, pedais cromados, bancos desportivos e um grande ecrã central que complementa o painel de instrumentos digital, além de alguns revestimentos em fibra de carbono.

Os modos de condução incluem um modo “race” que garante uma experiência de condução especialmente desportiva. Essas soluções são complementadas pelo “launch control”, que transmite a tração ideal durante a aceleração, oferecendo o binário máximo e um programa controlo de estabilidade correspondente. O controlo eletrónico de estabilidade ESC pode ser desligado manualmente para garantir uma condução particularmente dinâmica no limite de uma condução desportiva.

Anterior Pneu Beato envia materiais escolares e mantas para Moçambique
Próximo Scania recebe a classificação Gold da Responsabilidade Social Corporativa

Artigos relacionados

Kia revela novos detalhes sobre o novo Sorento

A Kia Motors Corporation revelou hoje pormenores sobre a plataforma da próxima geração do Sorento e sobre as motorizações disponíveis para este modelo.

Toyota vai chamar 3,4 milhões de carros às oficinas

A Toyota não está com meia medidas, é para o bem e para o mal. Assim, o fabricante japonês anunciou que vai recolher vários modelos Corolla, Matrix e Avalon.

Vendas da Fiat crescem 175% em dezembro

Num mercado de ligeiros de passageiros que cresceu 9,5% em dezembro, face a igual período do ano anterior, a Fiat destacou-se como a 3.ª marca mais vendida em Portugal, com um incremento de matrículas de 175%.