Michelin reforça a aposta no sistema TPMS

O sistema Michelin TPMS foi concebido para prevenir a má manutenção dos pneus, a qual constitui um dos problemas mais frequentes nos veículos, e contribui para os acidentes de circulação.

Com este equipamento “plug&play” são oferecidos sensores TPMS em função do número de rodas do veículo (turismos, 4×4, motos, comerciais, autocaravanas), que substituem os tampões das válvulas originais. Pode, ainda, ser combinado com um pack para reboque, que inclui quatro sensores adicionais, permitindo, assim, aos condutores supervisionar até oito pneus num mesmo veículo.

O sistema sem fios conta com um ecrã LCD alimentado por energia solar, que mostra automaticamente a pressão exata dos pneus em bar. É instalado no veículo utilizando-se um suporte magnético, não necessita de programação, nem de ligação por cabos, e pode ser facilmente retirado a qualquer momento.

Caso o dispositivo detete que algum pneu tem problemas de perda de pressão, perda rápida de ar ou aumento rápido da temperatura, habitualmente indicadores de um rebentamento iminente, alertará o condutor e identificará o pneu afetado no ecrã.

A tecnologia “plug & play” proporciona avisos de baixa pressão por meio de um indicador luminoso, que pisca no ecrã a cada 20 segundos caso um pneu tenha uma perda de pressão de 15%. Se a falta de pressão alcançar 25%, o se o pneu tiver um excesso de pressão de 35% ou mais, é adicionado um alerta acústico. Em caso de perda rápida de ar (pelo menos, 0,14 bar por minuto), é emitido um aviso mediante luzes intermitentes acompanhadas de um apito, para indicar ao condutor que deve parar.

O sistema também permite ao condutor verificar a pressão de todos os pneus com o simples pressionar de um botão, e sem necessidade de baixar-se. O sistema inclui, ainda, um modo noturno exclusivo, que avisa o condutor, antes de partir, se existe falta de pressão em algum dos pneus.

A Fit2Go incorporou neste produto a sua tecnologia patenteada de busca e atribuição, que permite aos condutores ligarem-se a um reboque ou a uma caravana com sensores TPMS do mesmo tipo sem necessidade de ter que realizar uma reprogramação. Também é possível instalar sensores adicionais em veículos comerciais ligeiros com rodados duplos no eixo traseiro, o que garante a monitorização de todos os pneus.

O sistema TPMS da Michelin também está disponível para motos, ciclomotores e scooters, oferecendo novos níveis de segurança aos utilizadores deste tipo de veículos, nos quais o mau estado dos pneus é crítico.

Anterior Bentley Financial Services lançada no mercado português
Próximo Este é o Pagani Huayra Roadster BC

Artigos relacionados

Hyundai i30 N terá ‘batismo’ nas 24 Horas de Nürburgring

A Hyundai está a ultimar o processo de desenvolvimento do seu novo desportivo com a sigla ‘N’ e o passo mais recente nesse sentido deu-se com a participação numa das corridas do Campeonato de Velocidade de Nürburgring.

Volvo prepara nova temporada do WTCC

Faltando apenas uma corrida para o final da corrente temporada do Campeonato do Mundo de Carros de Turismo (WTCC), a Polestar Cyan Racing encontra-se já a preparar os seus modelos da Volvo para a próxima época desportiva.

Mazda MX-5 eleito ‘Carro do Ano’ no Japão

O novo Mazda MX-5 foi eleito ‘Carro do Ano 2015-16’ no Japão, tratando-se da segunda vez que este icónico modelo conquista o mais prestigiante prémio automóvel do seu país de