Mercedes-Benz prepara rival para o Tesla Model S

Mercedes-Benz prepara rival para o Tesla Model S

O aparecimento e a aposta da Tesla em modelos de luxo puramente elétricos parece ter servido de mote para revolucionar o mercado entre os construtores Premium. A marca da Califórnia demonstrou que existe procura por modelos de luxo com motor elétrico, com as marcas rivais a esforçarem-se agora por oferecerem alternativas do mesmo género.

No recente Salão de Frankfurt, a Audi mostrou o e-tron quattro concept que dará origem a um SUV elétrico em 2018, a Porsche o seu Mission E, que antevê um desportivo futurista de propulsão elétrica, e a Mercedes-Benz tem também na calha o desenvolvimento de uma berlina elétrica para fazer face ao Model S.

Thomas Weber, membro do conselho de administração responsável pelo desenvolvimento dos automóveis da Daimler, referiu ao site Automotive News Europe que a Mercedes-Benz pretende produzir uma berlina elétrica com autonomia em redor dos 500 quilómetros num prazo de três anos, ou seja, até 2018, num modelo que não terá rivais dentro da gama da própria marca.

“Será algo completamente diferente: será emotivo. Terão de esperar para ver”, assegurou aquele responsável, para quem as premissas aerodinâmicas reveladas em Frankfurt pelo concept IAA (Intelligent Aerodynamic Vehicle), na imagem, poderão ser postas à prova nesse mesmo modelo, referindo que a “a aerodinâmica é e será importante”.

Anterior Volkswagen cancela projeto para DSG de dez velocidades
Próximo Estará a Mercedes-Benz a desenvolver um modelo V12?

Artigos relacionados

Abarth estabelece recorde de vendas em 2018

A Abarth fecha o ano de 2018 com um recorde de vendas na Europa e começa 2019 como o ano de comemoração dos seus 70 anos de vida.

Volkswagen Golf R fica mais extremo com pacote Performance

A Volkswagen revelou os conteúdos do seu Pacote Performance para o novo Golf R, modelo desportivo de 310 CV de potência.

Renault Cacia já produziu mais de 10 milhões de caixas de velocidades

A Renault Cacia comemorou a produção de 10 milhões de caixas de velocidades, um marco atingido escassos meses depois de ter sido distinguida, pelo segundo ano consecutivo.

0 Comentários

Ainda sem comentários!

Seja o primeiro a comentar este artigo!

Deixe um comentário