Mazda anuncia regresso do motor rotativo em 2019

O dia chegou, finalmente. Pela voz do Vice-Presidente de vendas e serviço ao cliente para a Europa, Martin Ten Brink, confirmou o regresso do lendário motor rotativo, um ícone do mundo automóvel e da Mazda.

Dentro do plano Zoom-Zoom 2030, a Mazda vai construir um automóvel puramente elétrico, que deverá chegar no próximo ano.

Para já não existem mais detalhes, mas o mesmo responsável confirmou que este modelo vai estar também disponível com um extensor de autonomia… na forma de um novo motor Wankel.

A unidade em questão não vai utilizar turbo e vai funcionar apenas como um gerador. Será montado na zona inferior do modelo, de forma a baixar o centro de gravidade. Não será maior que “uma caixa de sapatos”, não vai vibrar e o condutor não conseguirá precisar quando começa a funcionar.

O construtor planeia aumentar a eficiência térmica do motor a combustão em cerca de 56%, o que vai aproximar os novos modelos da Mazda ao modernos automóveis elétricos…

Anterior Camião em drift nas estradas da Bósnia
Próximo IMx KURO é o futuro Leaf SUV da Nissan

Artigos relacionados

Peugeot 3008: Competência SUV a partir dos 30.650€

Na continuidade da renovação da oferta SUV no nosso país, o mês de outubro marca o início de uma nova etapa para a Peugeot com a chegada do novo SUV 3008.

SEAT Ateca em areia recebe turistas que chegam ao aeroporto de Barcelona

Receber os turistas que chegam a Espanha com uma combinação de estilo e calor da praia – a intenção da SEAT fica bem patente na exposição que este verão marca presença

Volvo terá Plug-in híbrido de três cilindros em 2018 e elétrico em 2019

O primeiro elétrico da Volvo deverá chegar ao mercado dentro de dois anos, ou seja, em 2019, com a marca a preparar-se para implementar baterias potentes que podem atingir os 100 kWh de capacidade.