Bosch e Daimler reforçam parceria para a condução autónoma em cidade

A Bosch e a Daimler estão ultimar processos de desenvolvimento da condução totalmente autónoma para veículos em cidade, sem intervenção de um condutor (nível SAE 4/5).

Os dois parceiros escolheram a Califórnia como o local-piloto para a primeira frota de testes. No segundo semestre de 2019, a Bosch e a Daimler vão oferecer um serviço “shuttle” de transporte com veículos autónomos, em rotas selecionadas, numa metrópole californiana.

Está previsto que a Daimler Mobility Services seja a operadora desta frota de testes e do serviço de mobilidade baseado numa aplicação de smartphone.

Este projeto-piloto irá demonstrar como os serviços de mobilidade, por exemplo, a partilha de veículos (car2go), viagens “a pedido” (mytaxi) e as plataformas multimodais (moovel) podem ser interligadas de forma inteligente. Por outro lado, ambos os parceiros optaram pela empresa de tecnologia norte-americana Nvidia para fornecer a plataforma de inteligência artificial como parte da sua rede de unidades de controlo.

Para o desenvolvimento conjunto de um sistema de condução de veículos totalmente automatizado e sem condutor, a Bosch e a Daimler baseiam-se na sua experiência no ramo automóvel acumulada ao longo de muitas décadas para introduzir inovações “amadurecidas” e seguras no mercado.

Anterior Nissan aumenta gama de filtros de ar premium
Próximo Nova Ford Transit Chassis Cabina já nos concessionários

Artigos relacionados

Aston Martin mostra novas imagens do Valkyrie

A Aston Martin publicou as primeiras imagens oficiais do novo Valkyrie, o hiperdesportivo desenvolvido em parceria com a equipa de Fórmula 1 da Red Bull e rival direto dos McLaren Speedtail e Mercedes-AMG One.

Pagani Huayra terá versão Roadster

A Pagani revelou duas imagens de antevisão do seu novo Huayra Roadster, o qual tem revelação agendada para o próximo Salão de Genebra, em março deste ano.

Mercedes-Benz deverá criar submarca para veículos elétricos

Apostada cada vez mais em lançar-se no universo dos veículos elétricos, a Mercedes-Benz deverá mesmo criar uma submarca específica para lidar com o desenvolvimento dos seus modelos elétricos, à semelhança