Porsche Cayenne S Diesel reboca Airbus de 285 toneladas

Porsche Cayenne S Diesel reboca Airbus de 285 toneladas

Rebocar um gigante dos ares – neste caso, um Airbus A380 da Air France – parece não ser uma tarefa de fácil obtenção para um carro de produção em série, mas para demonstrar precisamente o contrário, a Porsche levou um Cayenne S Diesel até ao aeroporto Charles de Gaulle, em França, para rebocar uma daquelas aeronaves ao longo de recordistas 42 metros.

Note-se que o A380, o maior avião de passageiros do mundo, tem um peso total de 285 toneladas, pelo que este novo recorde – certificado pelo Livro dos Recordes do Guinness – bateu o anterior feito em 115 toneladas. Para cumprir esta tarefa de reboque, o Cayenne com o seu motor V8 bi-turbo estava equipado com um gancho especial acoplado ao de série, o que realça o facto de nada neste modelo ter sido alterado para conseguir a proeza.

A Porsche garante ainda que o mesmo exemplar que puxou o Airbus A380 para fora do seu hangar, onde repousava o gigante da Air France, foi depois levado por estrada para o Reino Unido, divisão de onde partiu esta iniciativa, com Richard Payne, técnico da marca, a ser o seu condutor antes, durante e após a proeza.

Os avaliadores do Guinness certificaram-se de que o modelo da Porsche estava de série, pelo que o recorde é válido e atesta bem a capacidade do veículo. Além do Cayenne S Diesel, a Porsche também conseguiu puxar o Airbus A380 com uma variante a gasolina, o Turbo S. Só para garantir que ambos têm competências impressionantes.

Anterior Ferrari vai manter motores V12 na sua gama
Próximo Novidades Opel: Crossland X inicia produção; novo Corsa com 'genes' PSA

Artigos relacionados

Fiat Tipo de cinco portas a partir dos 16.900 euros

A Fiat prepara o lançamento na segunda metade de julho dos novos Tipo de cinco portas e, alguns meses mais tarde, em versão carrinha. Desta forma, a marca italiana completa

Desenhando o novo Porsche Panamera: dinâmica desportiva

Com o mais recente Panamera, a Porsche quis ir ao encontro dos desejos de muitos dos seus clientes, que pediam um modelo refinado e opulento, mas igualmente desportivo e com

Audi interessada em rival para o Mercedes-AMG hiperdesportivo

A Audi revelou igualmente a sua inclinação para se lançar no desenvolvimento de um modelo semelhante.