Cinto de segurança de três pontos ajuda a salvar vidas desde 1959

Cinto de segurança de três pontos ajuda a salvar vidas desde 1959

No ano em que comemora o seu 90.º aniversário, a Volvo celebra igualmente uma das suas maiores invenções em termos de segurança, o cinto de segurança de três pontos.

Para os fundadores da marca sueca, Assar Gabrielsson e Gustav Larson, a segurança sempre foi uma premissa fundamental, traduzida na expressão de que “os automóveis são conduzidos por pessoas. Por isso, tudo o que fizermos na Volvo deve contribuir, antes de mais, para a sua segurança”. É sob esta premissa que a companhia continua a operar na atualidade, apostando fortemente na vertente da segurança e nas tecnologias associadas.

No mês de julho, a Volvo comemorou o estabelecimento da patente daquela que é por muitos considerada como a principal invenção em matéria de segurança automóvel comemora 55 anos, o cinto de segurança de três pontos. Mais concretamente, em julho de 1962, o United States Patent Office atribuiu ao engenheiro sueco da Volvo, Nils Bohlin, a patente nº 3043625 pelo design do seu cinto de segurança de três pontos.

A aprovação desta patente surgiu precisamente três anos após a sua introdução.

Em 1959, a Volvo tinha-se tornado no primeiro construtor do mundo a colocar, de série, o cinto de segurança de três pontos nos seus automóveis (Amazon e PV544).

Nessa mesma altura, Nils Bohlin solicitou a atribuição da patente para que lhe fosse reconhecida a criação daquele invento de segurança.

Alguns anos mais tarde, a Volvo demonstrou todo o seu compromisso com a segurança automóvel e viria a oferecer esta patente a todos os construtores para que estes a pudessem utilizar nos seus automóveis sem qualquer custo associado.

Anterior SEAT já tem nove nomes pré-definidos para o seu novo SUV
Próximo Grupo PSA conclui aquisição da Opel e da Vauxhall

Artigos relacionados

Pacote de Competição aumenta potência dos M3 e M4 para os 450 cv

A BMW revelou um novo pacote desportivo para os seus desportivos M3 e M4 Coupé/Cabriolet, que aumenta a potência desses modelos para os 450 cv e melhora ligeiramente as prestações.

Hyundai i30 N com motor de 275 CV para fazer sorrir

A Hyundai revelou o seu novo i30 N, o primeiro dos desportivos desta subgama dedicada, que introduz a marca no competitivo segmento dos compactos de alta performance.






Pascal Wehrlein a caminho da Sauber?

Quando tudo parecia tranquilo no que ao mercado de pilotos diz respeito, o anúncio do abandono repentino da Fórmula 1 por parte de Nico Rosberg – coroado campeão – voltou a colocar a Fórmula 1 em ebulição.