Hyundai revela o novo IONIQ de forma oficial

Hyundai revela o novo IONIQ de forma oficial

A Hyundai apresentou novas imagens e informações do IONIQ, um novo concorrente para o Toyota Prius. O lançamento deste inovador modelo com três opções ecológicas de motorização terá lugar na Coreia do Sul já neste mês, chegando à Europa apenas após o Salão de Genebra, em março, onde será apresentado.

Desenvolvido com base numa nova plataforma desenvolvida pela Hyundai para os seus veículos elétricos e híbridos, o IONIQ conta com uma mistura de aços de ultraelevada resistência e de alumínio, material que permite uma poupança de 12,6 kg (45 por cento) apenas em elementos como o capot, tampa da bagageira e elementos da suspensão.

O IONIQ foi desenvolvido com três possibilidades de motorização de elevada eficiência, ou seja, híbrido convencional (HEV), Plug-in Híbrido (PHEV) e elétrico (EV). Os dois primeiros modelos contam com o motor térmico de 1.6 GDi recém-apresentado pela marca sul-coreano, denominado Kappa, para este tipo de veículos com 105 cv.

Surge associado a um motor elétrico compacto de íman permanente com 44 cv para maior eficiência, embora não se saiba se o motor elétrico a utilizar é o mesmo no caso da versão unicamente movida com aquele tipo de energia. No total, apresenta 141 cv e 265 Nm de binário.

É alimentado por uma bateria de polímeros-de-lítio com performance melhorada em termos de carregamento e recuperação de energia cinética. Esta unidade surge montada sob o piso para melhor distribuição de peso, enquanto a vertente dinâmica também promete ter sido bastante trabalhada pela Hyundai. Como tal, uma das premissas destacadas pela marca é a opção pelo eixo traseiro multi-link.

A caixa de velocidades para estes modelos PHEV e HEV é de dupla embraiagem com eis velocides (6DCT), também inteiramente nova e desenvolvida especificamente para modelos híbridos.

Em termos tecnológicos, a Hyundai promove a integração de sistemas Apple CarPlay e Android Auto, para ligação a smartphones, através de um ecrã de 7” TFT para disposição de informações e acesso ao sistema de infoentretenimento. Por outro lado, surge com várias ajudas à condução, como a Travagem Autónoma de Emergência, Assistente de Manutenção na Faixa de Rodagem, Deteção de Objetos no Ângulo morto e Alerta de Cruzamento de Trânsito atrás.

Anterior Porsche Mission-E poderá abrir a porta a 911 elétrico
Próximo Pacote de Competição aumenta potência dos M3 e M4 para os 450 cv

Artigos relacionados

Ford revela prestações impressionantes para o Focus RS

Honrando um legado que carrega um elevado simbolismo para a Ford, o novo Focus RS promete prestações bastante elevadas e dinâmica de eleição num segmento que tem conhecido nos últimos

SUV Jaguar Land Rover: perfeitos para conduzir com chuva ou gelo

Desde o nascimento do Defender até à data, a Land Rover tem vindo a acumular uma grande experiência no desenvolvimento de sistemas de tração integral.

Jaguar Land Rover impulsiona tecnologias autónomas no Reino Unido

A Jaguar Land Rover expôs as mais recentes tecnologias para o Veículo Autónomo e Conectado nas demonstrações UK Autodrive que se realizaram nos últimos dias no centro tecnológico MIRA, no Reino Unido.

0 Comentários

Ainda sem comentários!

Seja o primeiro a comentar este artigo!

Deixe um comentário